Notícias

Fazer meia-boca!
29/12/2012 12:33:18

Na área de gestão, muitas empresas fazem ações “meia-boca”!Implantam ferramentas isoladamente (fazem planejamento estratégico com uma consultoria, mas não têm indicadores de desempenho definidos de forma organizada, não têm método para gestão do orçamento ou não têm processos mapeados e padronizados), certificam produtos na ISO 9001 e não estabelecem qualquer relação da norma com a vida real da organização, escrevem procedimentos sem orientação, copiando velhas fórmulas ou contratando ajuda de “consultores” decadentes, que nada agregam nos resultados e apenas cumprem pequenas tarefas como qualquer “peão” faria e contratam treinamentos esporádicos, sem que haja um processo que garanta a perpetuidade do conhecimento que o treinamento deveria trazer.

Talvez não haja outro assunto que admita mais iniciativas “meia-boca” do que gestão. Alguns executivos acham que podem aprender sozinhos, outros acham que nada disto têm valor, outros não sabem do que se trata, outros leram “O executivo e o monge” e acham que estão doutorados e alguns exibem o certificado da ISO sem ao menos saber o que significam as três letras e sua origem.

Quem vive no mundo das empresas sabe que não estou exagerando e que tampouco estou sendo ácido demais. Encontro com frequência empresas certificadas em qualidade, meio-ambiente e segurança e saúde no trabalho, empresas com prêmios nos programas regionais de qualidade, empresas com áreas cuidando das normas, da qualidade e da padronização, empresas que fazem planejamento estratégico uma vez ao ano e empresas que contratam vários treinamentos “tristes e baldios” e que não suportam uma auditoria mediana. Já auditei empresas grandes e médias que jogaram milhares de reais no lixo com implantações “meia-boca” nas áreas de gestão, recursos humanos e TI, por exemplo. Em um dia de auditoria, abri ao redor de 50 não-conformidades, ou seja, uma não conformidade a cada 6 minutos!

Você pode ter suas próprias opiniões, mas não tem o direito de ter seus próprios fatos! Você não pode negar os fatos, maquiá-los, ignorá-los ou mentir.

O que relatei são fatos, tem nome, CPF, CNPJ e endereço registrados e conhecidos. E diante de fatos tão medíocres, tenho apenas uma recomendação, que pode salvar muitos milhares de reais para você: se não entende, se não quer, não faça absolutamente NADA. O NADA obtém os mesmos resultados do MEIA-BOCA (ou seja, resultado igual a zero), mas é mais barato! Gestão é um assunto muito sério e não é fácil. Mato nunca foi feito para ovelhas. Se sua empresa é uma “ovelhinha” em gestão, não entre neste mato, você só vai se ferir e o resultado será nulo.

Últimas notícias